3 novidades do Brasileirão 2024 pra você ficar de olho

O Campeonato Brasileiro 2024 está as portas e deve iniciar entre os dias 13 e 14 de abril. Pensando em uma competição cada vez mais justa e transparente, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) tomou algumas decisões na última terça-feira (5) que irão beneficiar o Corinthians e outras equipes da competição.

Em reunião virtual, a CBF decidiu algumas mudanças que visão valorizar ainda mais o Brasileirão. Juntamente com representantes de todos os 20 cubes da Série A do Campeonato Brasileiro, além dos capitães da cada equipe. O torneio contará a partir desta temporada com um VAR mais esclarecedor, parada durante as datas FIFA, e a implantação do troféu Roberto Dinamite para o artilheiro da competição.

“Esse encontro foi uma boa iniciativa e espero que se repita. Gostaríamos de nos encontrarmos novamente antes do início da competição”, disse Tinga, capitão do Fortaleza. “A reunião foi muito proveitosa. A CBF está sempre aberta ao diálogo, sempre a favor do debate. Foi tudo muito importante e salutar, podem ter certeza de que vamos continuar trabalhando para fazer o futebol brasileiro cada vez mais forte”, disse o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues.

O VAR será atualizado e os juízes em campo deverão comunicar ao vivo a decisão tomada após análise no VAR, através dos microfones já utilizados pelos profissionais durante a partida. A ideia é atualizar aos torcedores que estão no estádio a decisão de forma mais transparente.

Repetindo o feito de 2023, o Campeonato Brasileiro será paralisado durante os períodos de Data FIFA. Além dos jogos não serem realizados durante as partidas da Seleção Brasileira, os times que tiverem convocados terão um intervalo mínimo de 48 horas entre o fim do período e suas partidas. Essa foi uma reivindicação dos clubes atendida pela CBF.

O maior artilheiro da história do Vasco em 708 gols, sendo 190 no Brasileirão, Roberto Dinamite, morto em 2023, será homenageado e o principal goleador do torneio passará a receber o “Troféu Roberto Dinamite”. A proposta foi aceita com unanimidade.

Além das três propostas aprovadas, a CBF também aprovou por unanimidade o aumento do limite de número de estrangeiros por clube, em cada partida. Em 2023, foi autorizado o aumento de cinco para sete. Agora, após decisão em reunião, os clubes passarão a contar com até nove jogadores estrangeiros por partida.

Comentários estão fechados.