Após falas de John Textor, Palmeiras pretende tomar atitude drástica

Agora, a coisa ficou séria. Você, certamente, já deve ter lido essa frase em algum lugar – talvez, não com essas palavras. Mas, é o que resume a situação envolvendo John Textor, dono do Botafogo, e o Palmeiras, que vivem relação conturbada desde o jogo entre ambos, em novembro de 2023.

Depois de dizer, em algumas oportunidades, que o Campeonato Brasileiro estava sob suspeita de manipulação de resultados – chegando até a incluir um jogo do Palmeiras, em 2022, nessa história -, o mandatário do clube carioca se viu em maus lençóis. Sem conseguir provar o que denunciou, o empresário ainda pode ser processado pelo alviverde.

“Aceitar a derrota é o primeiro passo a ser dado por quem almeja se reerguer”

Desta vez, Leila Pereira não poupou palavras para rebater John Textor. Depois de alfinetar o dono do Botafogo no ano passado, logo após a revolta do norte-americano depois da vitória paulista por 4 a 3 no Nilton Santos. Agora, a presidente do Palmeiras subiu o tom em nota oficial. Confira, abaixo, a nota na íntegra:

“A Sociedade Esportiva Palmeiras informa que tomará todas as medidas legais cabíveis – nas esferas civil, criminal e esportiva – contra o dono da SAF do Botafogo, John Textor, para que ele responda pelas declarações irresponsáveis e levianas que, recorrentemente, têm envolvido o nome do atual bicampeão brasileiro.

A nossa história de 109 anos é pautada pela ética e pelo respeito aos adversários e entidades. Se Textor tem informações sobre a prática de atos ilícitos no futebol brasileiro, que as apresente imediatamente aos órgãos competentes, incluindo os públicos.

Aceitar a derrota, por mais dolorida que ela seja, é o primeiro passo a ser dado por quem almeja se reerguer. Vale lembrar que, no ano passado, sofremos uma dura eliminação na semifinal da Libertadores, mas a superamos rapidamente porque tivemos autocrítica e não terceirizamos culpas.

Em vez de administrar um momento de instabilidade com a frieza que se espera de um empresário, porém, Textor prefere se portar como um caricato cartola à moda antiga. Ressaltamos o nosso mais profundo respeito pelo Botafogo de Futebol e Regatas, clube centenário com o qual tivemos o privilégio de disputar, em 2023, um dos mais emocionantes Brasileiros da história”.

Comentários estão fechados.