Botafogo se pronuncia após família corinthiana ser hostilizada

O Corinthians visitou o Botafogo-SP na última quarta-feira (14) e venceu os donos da casa por 4 a 1. Os gols foram marcados por Yuri Alberto, Wesley Gassova e Ángel Romero que marcou duas vezes. A vitória foi importante para a retomada da equipe no Campeonato Paulista, após um início de temporada desastroso.

A partida foi marcada pela segunda vitória seguida do Timão na competição, além do bom desempenho realizado pela equipe comandada pelo treinador António Oliveira, que assumiu o clube há pouco mais de uma semana. Mas uma cena lamentável também chamou atenção no jogo.

Uma família corinthiana foi hostilizada por torcedores do Botafogo-SP, em Ribeirão Preto durante a partida. O episódio aconteceu após crianças e adultos comemorarem o primeiro gol do Timão ao lado de botafoguenses. As crianças e seus respectivos pais deixaram o setor após a comemoração sob fortes vaias e xingamentos por parte da torcida mandante.

Em nota, o Botafogo-SP informou que a família corinthiana hostilizada em Ribeirão Preto, ignorou os avisos de segurança do estádio. Embora a equipe paulista tenha repudiado os atos de violência, a diretoria do Botafogo-SP afirmou que os pais colocaram seus filhos em risco ao passar por cima dos avisos de segurança emitidos para a partida.

Confira a nota oficial emitida pelo Botafogo-SP após atos de violência emitidos por sua torcida em famílias corinthianas que se fizeram presente no confronto:

“O Botafogo Futebol Clube repudia qualquer ato de violência e lamenta profundamente os fatos ocorridos nesta quarta-feira (14), no setor de cadeiras cativas do Estádio Santa Cruz, que é destinado exclusivamente a torcedores do Botafogo. Se faz necessário informar que o torcedor envolvido neste episódio adquiriu o plano Torcedor Cativo, que dá acesso aos jogos do Botafogo no setor, na manhã da partida, quando assinou o termo de uso do espaço. Ele também foi orientado que o setor era exclusivo para a torcida botafoguense, o que consta na notícia oficial sobre ingressos para o jogo e no mapa de acesso divulgado nas redes sociais. Não há setor misto no Estádio Santa Cruz. Infelizmente, as informações e orientações foram ignoradas pelo torcedor em questão, colocando em risco seus familiares e todas as pessoas próximas do local onde ocorreu o triste episódio. O Botafogo Futebol Clube continua apurando os fatos, para que medidas internas possam ser executadas.”

Comentários estão fechados.