Como fica o cenário de contratações no Corinthians sem Matheus Pereira?

Após o Corinthians e o Al Hilal não terem chegado a um acordo para contratar Matheus Pereira, o Timão planeja o próximo alvo do clube. O desejo da diretoria é que a futura contratação consiga potencializar o jogo de Yuri Alberto e Róger Guedes no ataque e também tenha a capacidade de atuar pelos lados, um pouco menos centralizado.

Matheus Pereira pertence ao Al Hilal, da Arábia Saudita, que até aceitou emprestá-lo, mas por apenas quatro meses, cenário que não faria sentido para o Corinthians. Visto que, o elenco alvinegro começará a disputa pelo bicampeonato da Libertadores em abril e precisaria do jogador para o segundo semestre inteiro.

O Timão, inclusive, considera ter feito uma boa proposta para ter Matheus Pereira por empréstimo. A diretoria chegou perto de assinar com o jogador, principalmente devido ao interesse do atleta em fazer parte da equipe, mas a diretoria do Corinthians acabou desistindo após a exigência do clube árabe.

Em 2021, o Al Hilal pagou 18 milhões de euros para ter Matheus Pereira. Recentemente, os árabes recusaram ofertas de outros clubes brasileiros, como o Botafogo. Agora, o jogador foi emprestado para o Al Wahda, dos Emirados Árabes Unidos.

Apesar da necessidade de mais reforços na equipe, o Corinthians não tem pressa em contratar, já que até abril disputará apenas o Campeonato Paulista. Porém, a diretoria alvinegra segue atenta ao mercado da bola, focando em chegadas de jogadores por empréstimo ou sem custos de aquisição.

Contratações do Corinthians para 2023

Vale lembrar que, até o momento, a diretoria do Corinthians contratou apenas dois jogadores: o atacante Romero e o lateral-esquerdo Matheus Bidu. Porém, o clube acertou a permanência definitiva de Yuri Alberto e também mais um ano de empréstimo do volante Maycon.

Comentários estão fechados.