Corinthians vai fazer jogo duro para liberar joia cobiçada por John Textor

O Corinthians segue negociando no mercado da bola. Além da busca por novos reforços, a diretoria alvinegra analisa possíveis negociações de seus atletas e principalmente, joias da base. Um dos mais promissores atletas do Timão, está na mira de grandes equipes como o Lyon, da França e Real Betis, da Espanha.

Cria da base do Corinthians, o jovem atacante Wesley é um dos destaques do Timão nesta temporada. Seu estilo de jogo vem ganhando destaque neste início de ano. Suas habilidades e velocidade são pontos fortes analisados por grandes clubes que desejam contar com o jogador em seu plantel.

Sob o comando de António Oliveira, Wesley se tornou titular absoluto da ponta esquerda do Corinthians. Por suas características ofensivas e por ter acabado de completar apenas 19 anos de idade, ele já começa a despertar o interesse do mercado europeu, por ser uma grande promessa. Temos dois fortes interessados na parada. O Lyon da França e o Real Betis, da Espanha.

O dono do Lyon, John Textor, que também é dono do Botafogo, clube carioca, já sabe quanto terá de pagar ao alvinegro do Parque São Jorge para poder comprar o jovem atacante. De acordo com informações obtidas através do jornalista Samir Carvalho, apesar do jogador ter uma multa de 100 milhões de euros, o Corinthians topa fechar negócio por 50 milhões de euros, o que chegaria em aproximadamente R$ 272 milhões, na cotação atual.

As equipes interessadas comprar Wesley terão que intensificar suas sondagens e especulações para uma possível negociação na próxima janela de transferências no mercado da bola. Vale lembrar que, como a temporada europeia é de agosto de um ano até maio do ano seguinte, a janela do meio da temporada brasileira é a mais forte. Enquanto isso, o Corinthians aproveita o talento da sua jovem promessa pensando nos próximos torneios que tem pela frente: Brasileirão, Copa do Brasil e Copa Sul-americana.

Comentários estão fechados.