Enquanto torcedores do São Paulo olham de canto, Arboleda se defende após vídeo vazado

Robert Arboleda conseguiu se envolver em mais uma confusão, agora em meio a Data-Fifa e enquanto defendia as cores da seleção do Equador. Na ocasião, o zagueiro do São Paulo foi flagrado, ao lado de outros dois companheiros, ostentando em uma balada norte-americana, na véspera do amistoso contra a Itália – que venceu o duelo por 2 a 0.

O defensor – que estava junto de Ray Kendry Páez, joia do Chelsea, e Gonzalo Plata, do Al Sadd, também jogadores do Equador – logo foi às redes sociais para dar a sua versão dos fatos e se defender das críticas. Em sua conta no Instagram, Arboleda foi bastante irônico ao se manifestar sobre o ocorrido.

São Paulo faz vista grossa, mas equatorianos criticam atitude

Ao mesmo tempo em que diversos torcedores da seleção equatoriana – e jornalistas locais – pesaram as críticas ao jogador, por curtir a noite na véspera de um jogo importante, o São Paulo e a maioria de seus torcedores fingiram que isso sequer aconteceu. Até por isso, o jogador ironizou nas redes sociais.

“A partir de agora, nos meus dias livres, vou ler a Bíblia só, porque nem me divertir eu posso mais. Oh, prometo!”, escreveu o zagueiro, com muitos emojis de risada. Vale lembrar, porém, que essa não foi a primeira polêmica do jogador nos últimos anos.

Em 2020, no auge da pandemia, Arboleta foi flagrado em uma festa e revoltou torcedores tricolores – que já estavam na bronca com o zagueiro desde o ano anterior, quando o mesmo foi flagrado com a camisa do Palmeiras durante suas férias no país sul-americano.

Comentários estão fechados.