Fagner alcança marca absurda no Corinthians e São Paulo chora

Após cinco anos, o Corinthians conseguiu quebrar tabu que se instaurava de seca de vitórias no Morumbi, no último domingo (29). Um dos contribuintes na vitória foi o lateral-direito Fagner, que deu mais uma assistência e colocou o São Paulo no topo de maior vítimas no quesito.

No primeiro gol de Adson, que marcou os dois tentos da vitória, Fagner deu a assistência, após recebe bom passe de Renato Augusto. Com isso, o camisa 23 chegou a marca de 61 passes para gol pelo Timão, o que te fez ficar com a oitava colocação no ranking de maiores garçons da história do clube do Parque São Jorge. De todos os passes, cinco foram contra o São Paulo.

  • 2° gol de Romero – Corinthians 6 x 1 São Paulo, Brasileirão 2015
  • Gol de Gustagol – Corinthians 2 x 1 São Paulo, Paulistão 2019
  • Gol de Pedrinho – Corinthians 1 x 0 São Paulo, Brasileirão 2019
  • Gol de Gustavo Mosquito – Corinthians 2 x 2 São Paulo, Paulistão 2021
  • Gol de Adson – São Paulo 1 x 2 Corinthians, Paulistão 2023

Apesar de ainda estar na oitava colocação, Fagner já está mirando a sétima. À sua frente está o ex-meio campista Jadson, que tem 64 assistências. Caso consiga passar este número, além de subir um degrau no ranking, o lateral-direito se tornará o maior garçom da história do clube do Parque São Jorge neste século.

A segunda colocação da lista de times que mais sofreram gols com assistências de Fagner é ocupado pela Ponte Preta e Bahia, que já sofreram quatro tentos com passes do lateral-direito. Para fechar o top-3, aparece o Botafogo, do Rio de Janeiro, com três gols sofridos.

Comentários estão fechados.