Fágner decide onde vai jogar e Corinthians fica sabendo de última hora

No próximo sábado (11), irá ao ar uma entrevista do lateral-direito Fágner. O defensor foi convidado do programa Bola da Vez, da ESPN, e abordou os mais diversos assuntos envolvendo o Corinthians, inclusive fazendo revelações sobre o antigo treinador Vitor Pereira.

Alguns trechos do bate-papo já estão sendo divulgados nas redes sociais e um deles debate o futuro do lateral. Formado nas categorias de base do Timão, Fágner contou que ainda pretende atuar por mais alguns anos e deseja se aposentar no clube de sua vida, além de ter um objetivo especial antes de pendurar as chuteiras.

“Eu sei que está acabando, tenho alguns aninhos ainda. O mais glorioso para mim seria encerrar a carreira e ter uma partida com o meu filho. Jogar com ele. Se ele quer ser lateral, eu queria passar o bastão para ele, passar a camisa para ele” – declarou Fágner.

Vale lembrar que Henrique Lemos, filho do defensor, atua na base do Corinthians e tem se destacado. O jovem sempre deixou claro que pretende defender as cores do clube um dia.

Por conta de um 2022 com diversos problemas físicos, o lateral tem se cuidado ainda mais para poder seguir em alto nível nos próximos anos, mas já declarou que não pretende seguir no clube após se aposentar:

“Mas é difícil falar. O corpo tem que aguentar até lá, tenho que me cuidar bem. Graças a Deus eu tive poucas lesões articulares graves, que dificultam que você jogue por mais tempo. Eu vou até onde me deixarem”

“Penso em me aposentar, sim, no clube, mas nunca pensei na hipótese se aceitar um cargo. Acho que tem que ser muito do momento ali, quando você já está pensando no pós-carreira e se preparando bem para seguir ou não dentro do clube” – finalizou.

Criado nas categorias de base do Timão, Fágner teve passagens pela Europa e Vasco antes de retornar e se firmar no clube, em 2014. Desde então, acumula 485 jogos, 12 gols e cinco títulos (dois Brasileiros e três Paulistas).

Mercado do Timão

Com o início da temporada e a abertura da janela de transferências o Timão já tem feito movimentações no mercado. O objetivo da diretoria é vender atletas para arrecadar fundos e trazer reforços pontuais para o elenco.

Os primeiros a deixar o clube foram aqueles que tinham vínculos por empréstimo, como Bruno Melo e Robson Bambu.

Além deles, Mateus Vital, Matheus Davó e Ramiro também deixaram a equipe. Os três foram para o Cruzeiro de maneira definitiva. O lateral-esquerdo Lucas Piton também saiu do clube rumo ao Vasco. E mais recentemente, o zagueiro Raul Gustavo foi emprestado ao Bahia.

A negociação mais aguardada pelos torcedores era a permanência de Yuri Alberto, concretizada no início do ano. Para ficar com o jogador o Corinthians enviou Du Queiroz e Robert Renan para o Zenit, da Rússia.

O alvinegro também conseguiu a permanência do volante Maycon por mais uma temporada. O jogador estendeu seu vínculo de empréstimo e ficará no Brasil até dezembro de 2023.

Até o momento o Timão trouxe dois reforços. O paraguaio Ángel Romero iniciará sua segunda passagem pelo alvinegro e o lateral-esquerdo Matheus Bidu foi contratado para substituir Piton.

Comentários estão fechados.