Fifa não perdoa e Santos é notificado sobre novo transfer ban

Não é exagero falar que o Santos, nos últimos cinco anos, possui mais ‘transfer ban‘ do que títulos. Pouco mais de 24 horas depois de se livrar da punição da Fifa por conta de Fabián Bustos, o time da baixada voltou a sofrer com sanções da entidade máxima do futebol – agora, por conta de uma dívida com o ex-jogador Cueva.

Sem conquistar nenhum título relevante desde 2016, quando conquistou o Campeonato Paulista pela última vez, e ainda amargando um rebaixamento neste meio tempo, o Santos parece viver um pesadelo sem fim. Com punições recorrentes da Fifa, o alvinegro praiano está mais uma vez impossibilitado de registrar novos reforços.

Depois de Fabián Bustos, culpa agora é de Cueva

Contratado em 2019 pelo Santos, Christian Cueva não rendeu quase nada dentro de campo – com apenas 16 partidas oficiais e nenhum gol marcado. Mas, fora das quatro linhas, rendeu bastante… dor de cabeça. Afinal, dos 7 milhões de dólares que seriam para sua chegada à Vila Belmiro, o clube ainda não pagou pouco mais da metade.

Com isso, o montante que restou virou dívida, que hoje gira em torno de R$ 20 milhões com o Krasnodar, da Rússia – time que detinha o passe do jogador naquela época. As informações foram divulgadas, em primeira mão, pelo Globo Esporte.

Impedido de registrar jogadores desde o início de fevereiro, por conta de uma dívida de R$ 4 milhões com o ex-técnico Fabián Bustos, o Santos está com um novo ‘transfer ban‘ pela frente. O problema é que, agora, a multa a ser paga é bastante elevada e não deve ser quitada em um curto período de tempo.

Comentários estão fechados.