Gabriel Moscardo ajudou muito o Corinthians em 2024 e talvez você nem imagine

Revelado pelo Corinthians, Gabriel Moscardo chamou a atenção de todo mundo desde que estreou pela equipe profissional do clube paulista. O volante demonstrou muita qualidade desde o seu primeiro confronto e parecia que poderia assegurar uma vaga de titular tranquilamente na equipe. Mas, uma lesão no pé esquerdo atrapalhou totalmente os planos do clube e do jogador.

No início desta primeira janela de transferências, a diretoria do Corinthians sofreu com as investidas de clubes europeus na contratação do jovem. Quem levou a melhor foi o Paris Saint-Germain, que apresentou uma oferta na casa dos R$ 100 milhões para poder ficar com Moscardo, que estava para operar o pé esquerdo.

Em contrapartida, os parisienses emprestaram o jovem até o final do primeiro semestre, onde segue fazendo sua recuperação e que deve ser utilizado por António Oliveira em seu retorno. A venda milionária foi essencial para que o clube paulista terminasse o mês de janeiro com superávit.

Venda de Gabriel Moscardo ajuda o Corinthians a fechar o mês de janeiro com superávit

Nos últimos dias, a diretoria do Corinthians divulgou para todos o balancete do mês de janeiro, que apresenta os valores que entraram e saíram do clube. De forma surpreendente, a equipe teve um superávit de R$ 62,7 milhões neste início de ano. Porém, isso só foi possível a venda de Gabriel Moscardo, que deu um incentivo financeiro aos cofres do clube.

Porém, mesmo que tenha sobrado dinheiro em janeiro, a situação financeira, de modo geral, do Corinthians ainda segue grave. Ao total, o clube possui uma dívida que gira na casa de R$ 2 bilhões, o que inclui financeamento da Neo Química Arena. Sem essa dívida com a Caixa, a dívida do clube vai para R$ 913 milhões, mas que pode aumentar com o final da auditoria nas contas que está sendo feita, a pedido de Augusto Melo.

Comentários estão fechados.