Giuliano ativa o modo Rojas e cobra Corinthians na Justiça

O caso de amor entre Giuliano e Corinthians parece ter chegado ao fim. Como aquele típico relacionamento entre famosos, que surge repentinamente, vive seu auge e depois acaba com troca de farpas. O jogador, atualmente no Santos, decidiu entrar na Justiça contra o Timão, por conta de direitos de imagem atrasados.

Depois de acertar sua ida ao clube praiano no início desta temporada, Giuliano saiu querido pela torcida do Corinthians – que, em grande parte, ainda gostaria de ter o meia no atual elenco para a disputa das competições em 2024. Mas, esse carinho todo pode ter acabado neste exato momento. Afinal, o jogador encarnou Matías Rojas e colocou o Timão na Justiça.

Por dívida milionária, Giuliano entra em rota de colisão com o Timão

Giuliano foi apenas mais um jogador que cansou de conversar e negociar com a atual gestão, de Augusto Melo. Assim como o paraguaio Matías Rojas, que simplesmente desapareceu do clube e quis rescindir seu contrato por atraso nos pagamentos (e que entrou com uma ação na Fifa, cobrando cerca de R$ 40 milhões do clube), Giuliano entrou na Justiça contra o alvinegro.

De acordo com a defesa do jogador, segundo a matéria publicada pelo Globo Esporte, a cobrança é em relação a oito parcelas – previstas em contrato – que estavam pendentes desde o ano passado e que não foram pagas pela diretoria do Corinthians.

As informações dão conta de que cada parcela girava em torno de R$ 213 mil, mas que – por conta da inflação e dos juros que correram neste período sem pagamento – agora totalizam R$ 1,8 milhão. A defesa do jogador ainda exige que o pagamento deste montante seja feito em, no máximo, três dias, podendo penhorar receitas do clube para tal.

Comentários estão fechados.