Guardiola quase perdeu Haaland para antigo clube do treinador

A ida de Erling Haaland ao time sensação da atual década, o Manchester City, fez com que Pep Guardiola ‘zerasse o game‘. Afinal, o time inglês, sob o comando do técnico espanhol e com os gols do atacante norueguês conquistou simplesmente todos os títulos possíveis no calendário europeu. Mas, isso poderia não ter acontecido, já que Haaland por pouco não se transferiu a outro clube.

Sim, o Barcelona, antiga casa de Guardiola. Enquanto ainda defendia as cores do Borussia Dortmund, o jogador se reuniu com Xavi, ídolo e técnico da equipe catalã, na capital alemã. No entanto, por problemas financeiros, o clube acabou desistindo do negócio e planejou uma nova investida na temporada 2025/26. Nesse meio tempo, porém, o atleta acertou com o City.

Barcelona ainda não desistiu de Haaland e promete nova investida

Tirar uma grande estrela de um clube nunca é tarefa fácil, ainda mais se isso envolver um dos clubes mais ricos da atualidade, no futebol moderno. Mas, há uma chance de isso acontecer, principalmente se o Manchester City for novamente ‘campeão de tudo’ nesta temporada – o clube segue bastante vivo na Premier League e na Liga dos Campeões.

Afinal, o Barcelona pode usar a seu favor a questão de o atleta se desafiar, tentar ser campeão com um ‘azarão’, em contraste aos clubes mais ricos e poderosos da atualidade. Se no passado Haaland não veio, e o clube trouxe Robert Lewandowski. Agora, o caminho pode se inverter.

De acordo com o jornal catalão ‘Mundo Deportivo’, a “atual empresária de Haaland, Rafaela Pimenta, se encontrou com o diretor esportivo do Barça, Deco, no mês passado. A ideia é que o jogador chegue para a temporada 2025/26, quando Lewandowski estará com 37 anos”.

Comentários estão fechados.