Igor Coronado não alivia e bate de frente com Marcos Braz

Durante a apresentação do lateral uruguaio Matías Viña, como novo reforço do Flamengo, o vice-presidente do clube carioca aproveitou para alfinetar o jogador Igor Coronado, recém-contratado pelo Corinthians – em uma disputa justamente com o rubro-negro, além do Botafogo, para repatriar o meia brasileiro.

Na ocasião, Marcos Braz deu a entender que o Flamengo desistiu da contratação, pela atual situação física do jogador. Dizendo-se conhecedor do mercado, e também criticando o repórter que o questionou sobre o assunto, o dirigente rubro-negro envolveu diversos fatores na discussão, como análise sobre o jogador, empresário, conceito esportivo.

“Estou realizando um sonho”, diz Coronado

“Há quanto tempo você acha que ele está no mundo árabe? Ah, não sabe? Cinco, seis anos. Você sabe o que é estar cinco, seis anos no mundo árabe e se adaptar aqui? Quando a gente vai analisar, a gente não analisa só o mercado. Tem que ter situações como essa que você tem que ter o conhecimento”, disse Braz.

A dor de cotovelo do dirigente rubro-negro repercutiu no Corinthians, e Igor Coronado ganhou seu direito de resposta durante sua apresentação oficial como novo reforço do Timão. Na ocasião, o meia disse se importar apenas com o que as pessoas do clube pensam sobre ele.

“Eu nem sabia na verdade, chega em mim agora. Estou representando o Corinthians e tenho que importar com o que o clube pensa. Respeito a opinião dele. Recebi uma ligação do Flamengo, do Matheus auxiliar, pra saber como estava minha situação lá. Enfim, estou aqui hoje realizando um sonho vestindo essa camisa maravilhosa”, afirmou.

Comentários estão fechados.