Marcelo de Lima Henrique revela quanto recebe como árbitro

No Brasil, ser árbitro envolve um grande preparo, não só físico, como mental. Independete do jogo em que você vai apitar, qualquer lance que gere o mínimo de dúvida pode virar uma grande polêmica. Porém, se engana quem acha que um árbitro vive somente dessa sua profissão. É comum que eles exerçam outras funções, quando não estão dedicados para um jogo.

Como já é de conhecimento de uma grande parte, os juízes de futebol recebem por jogo e não um salário. Assim, esses profissionais não são contratados pelas federações estaduais ou pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Isso leva com que muitos não consigam dedicar o tempo necessário para se aperfeiçoarem como árbitros, o que pode levar a graves erros durante um jogo. Em entrevista recente, Marcelo de Lima Henrique revelou qual o valor que recebe por um jogo.

Marcelo de Lima Henrique revela que recebe mais de R$ 5 mil por jogo

Nos últimos dias, Marcelo de Lima Henrique participou de uma entrevista com o ex-jogador Getúlio Vargas. O juiz respondeu diversas perguntas curiosas sobre esse profissional tão críticado por todos os lados. Ao ser questionado do valor que ganha, ele revelou que não recebe um salário, mas que sua profissão ganha por jogo.

Por conta disso, todos os que atuam como juíz também atuam em outras áreas, semelhante ao que acontece com um jogador amador. Ele também revelou que recebe cerca de R$ 7 mil por jogo.”Não, não existe salário. O árbitro recebe por jogo,né? É público também. Geralmente o clube mandante que paga, tem uma tabela. Copa do Brasil é uma taxa, Campeonato Carioca é uma taxa, Brasileiro Série A é um valor. Na Série A, um árbitro FIFA e Master recebe 7 mil reais por jogo.”, afirmou Marcelo.

Comentários estão fechados.