Mercedes vai contratar Max Verstappen? Tá confirmado!

Após a saída de Lewis Halmiton para a Ferrari a partir de 2025, a Mercedes teve seu nome fervendo no mercado da Fórmula 1, com especulações de Max Verstappen na equipe alemã. Porém a contratação parece cada vez mais distante.

As especulações surgiram após tensões entre o chefe da Red Bull Racing (RBR), Christian Horner, e Jos Verstappen, pai do piloto. Entretanto, Toto Wolff, chefe da Mercedes, reconhece que as chances de atrair o holandês são mínimas, dada a superioridade atual da RBR na Fórmula 1.

Max Verstappen tem contrato com a RBR até 2028 e viu sua estabilidade na equipe ser testada devido um conflito interno entre seu pai e o chefe da RBR, Horner. Apesar dos problemas surgidos, Verstappen segue fiel a Red Bull Racing e não deve ser o novo piloto da Mercedes, que precisará seguir buscando por um novo nome.

Um nome em potencial para substituir Lewis Halmiton, seria o do jovem  italiano Andrea Kimi Antonelli, atualmente competindo na Fórmula 2. Porém, Wolff mantém calma sobre a situação e prioriza uma avaliação cuidadosa do mercado de pilotos antes de tomar decisões precipitadas.

Alguns fãs da Fórmula 1 e da Ferrari, pediram para a equipe realizar uma dobradinha e contratar Max Verstappen, para atuar juntamente com Lewis Halmiton, porém esse negociação dificilmente poderia acontecer devido o orçamento da Ferrari e a necessidade de administrar dois contratos gigantescos, além do investimento em dois carros de ponta.

A Ferrari anunciou no início de 2024 o contrato feito com Lewis Hamilton. Sete vezes campeão mundial na Fórmula 1 (2008, 2014, 2015, 2017, 2018, 2019 e 2020), Hamilton é um dos maiores pilotos de todos os tempos e um dos desportistas mais bem sucedidos da história. Apesar de ter nascido na Inglaterra, o piloto tem grande identificação com o Brasil e é fã de Ayrton Senna que faleceu em 1994, após um acidente durante corrida na Itália.

Comentários estão fechados.