POLÊMICA DO DIA: Rival paulista do Corinthians vai jogar na Neo Química Arena

Desde o início da década passada, as torcidas paulistas se acostumaram a encarar o estádio de um time rival como ‘território hostil’. E tudo começou após uma briga entre as diretorias de Corinthians e São Paulo, então presidido por Juvenal Juvêncio. Agora, quase 25 anos depois, o Timão terá um rival mandando jogo na Neo Química Arena pela primeira vez.

Na manhã desta quarta-feira (20), a Federação Paulista de Futebol oficializou os mandos de campo e as datas das semifinais do Campeonato Paulista desta temporada. Com isso, ficou confirmado que o Santos mandará seu duelo diante do Bragantino na casa do Corinthians.

Corinthians receberá boa quantia pelo aluguel da Arena

Em meio a crise financeira que o clube está passando, o jogo do Santos na Neo Química Arena pode representar um bom respiro para o Timão nesta questão. Afinal, para alugar a casa alvinegra, a equipe da Vila Belmiro desembolsará entre R$ 800 mil e R$ 1 milhão.

O que é novidade, agora – por conta da relação cada vez mais ‘bélica’ entre grandes rivais nos últimos anos -, era recorrente até 2009. Muitos torcedores do estado se acostumaram a ver o estádio do Morumbi dividido em dias de clássico, não importava quem mandasse o jogo na casa do São Paulo.

Mas, desde quando Juvenal Juvêncio, presidente do Tricolor à época, decidiu acabar com essa tradição e instituir os 10% aos visitantes, tudo mudou drasticamente – até culminar na triste ‘torcida única’, que foi implementada nos clássicos paulistas em 2016, sem grandes soluções para a violência.

Comentários estão fechados.