Popó esquece o que é limite e chama padre Corinthiano para sair na mão

Depois de vencer a milionária luta contra o ex-BBB Kléber Bambam, em apenas 36 segundos de combate, o multicampeão Popó pegou gosto pelos desafios inusitados. Agora, além de mirar uma luta contra Marcos Mion, da TV Globo, o pugilista quer encarar um padre assumidamente corinthiano.

Trata-se de ninguém menos que o padre Marcelo Rossi. E o assunto surgiu durante uma entrevista de Popó à RedeTV, quando foi perguntado se lutaria com algum dos padres famosos – e bombados. A resposta, foi certeira: “Marcelo Rossi. É mais forte, maior. Gosto de derrubar gente grande”.

Popó deve virar figurinha carimbada do FMS

Depois de estrear em grande estilo no chamado Fight Music Show, o mais bombado evento de luta entre subcelebridades e ex-atletas, Popó ganhou gosto pelos desafios. Em entrevista à RedeTV, o pugilista, que voltou à ativa após ser desafiado por Bambam, disse querer mais e não pretende parar nessa luta.

Ao ser questionado sobre uma luta com os padres Marcelo Rossi ou Fábio de Melo, Popó também teve de escolher entre Marcos Mion e Rodrigo Faro, apresentadores da Globo e Record, respectivamente. E na resposta, Popó usou a mesma justificativa.

“Mion, acho que Mion leva vantagem (por ser maior, naturalmente)”, disse. Ou seja, o campeão mundial de boxe, definitivamente, prefere encarar desafios maiores para provar que continua sendo imbatível no esporte das luvas e do ringue.

Comentários estão fechados.