Renato Augusto encerrou ciclo no Fluminense logo após sua chegada

Renato Augusto é um dos grandes nomes futebolistas que atuaram com a camisa do Corinthians nos últimos. Com o contrato encerrado no final de 2023, o meio campista acabou não tendo seu contrato renovado com o Timão e aceitou a proposta do Fluminense para atuar na equipe carioca em 2024.

O atleta teve passagens marcantes no Corinthians e acabou deixando ao clube no processo de reformulação do elenco, feita pelo novo presidente do clube, Augusto Melo. Renato Augusto foi para o Fluminense, atual campeão da Copa Libertadores, com o objetivo de dar mais opções para o treinador Fernando Diniz, ex-seleção brasileira.

Apesar da idade avançada para o solicitado nos dias atuais, no meio futebolístico, Renato Augusto chegou ao Fluminense como um nome de peso, sendo um dos grandes líderes do tricolor carioca, dentro de campo.

No final de fevereiro deste ano, Renato Augusto encerrou um ciclo juntamente com o Fluminense. A equipe carioca teve sua primeira decisão na temporada de 2024, e conquistou a Recopa Sul-Americana diante do seu algoz LDU, sagrando-se campeão do torneio.

O Fluminense encarou a equipe da LDU, pela final da Recopa Sul-Americana. Em Quito, no jogo de ida, os equatorianos conseguiram uma vitória pelo placar de 1 a 0. Já no Maracanã, o clube carioca fez valer o “fator casa” e venceu a equipe equatoriana por 2 a 0, com um jogador a menos em campo após a expulsão de John Kennedy.

Renato Augusto foi peça essencial para a vitória do Fluminense, principalmente após a expulsão de Kennedy. Além de ter tirado o temido fantasma da LDU, devido as finais das Copas Libertadores e Sul-Americana de 2008 e 2009, respectivamente, Renato também encerrou um ciclo individual, onde não conquistava um título desde 2018 quando venceu o Superclássico das Américas, com a seleção brasileira, diante da Argentina.

Comentários estão fechados.