Resposta oficial da CBF garante reforço ao Corinthians pra Copa do Brasil

A primeira vitória do Corinthians nesta semana já foi conquistada: a liberação por parte da CBF para a utilização do novo reforço diante do São Bernardo, em confronto marcado para a noite desta quinta-feira (14), válido pela segunda fase da Copa do Brasil.

Registrado e no Boletim Informativo Diário da Confederação Brasileira de Futebol, Cacá, o último reforço do Corinthians para a temporada 2024, poderá fazer sua estreia com a camisa do Corinthians. O defensor foi registrado um dia após o início da atual fase do torneio, mas ‘brecha’ no regulamento permitiu sua liberação para a partida.

Corinthians usa Inter como exemplo e inscreve reforço

Emprestado ao Corinthians até o fim da temporada, pelo Tokushima Vortis do Japão, Cacá já pode fazer sua estreia pelo clube nesta quinta-feira (14). Depois de uma longa novela envolvendo sua contratação, a diretoria do Corinthians correu para registrar o jogador e ‘brigou’ pela sua inscrição no torneio nacional.

É importante lembrar que o Internacional já havia se beneficiado dessa ‘brecha’ no regulamento da competição, inscrevendo dois reforços – Thiago Maia e Rafael Santos Borré – depois do início da atual fase, para encarar o Nova Iguaçu na segunda fase.

Confira, abaixo, o trecho do regulamento que gerou dúvida na diretoria do Timão, e que possibilitou a liberação do zagueiro por parte da CBF:

Art. 6º – A contratação de novo atleta pelo Clube, seja como profissional ou não profissional, habilita a sua atuação pelo Clube na COPA DO BRASIL a partir do dia seguinte à data de publicação do seu nome no BID pela DRT, desde que antes do início de cada fase da competição (ou seja, caso já disputada uma partida da fase, somente terá condições de jogo para fase seguinte se o Clube obtiver classificação), e cumpridos os demais requisitos do RGC e deste REC, incluindo a sua inscrição na competição pelo Clube dentro do prazo definido no artigo 5º.

Comentários estão fechados.