Robinho fala tudo que está acontecendo e se defende

Em janeiro de 2022, o atacante Robinho foi condenado na última instância da justiça italiana por violência sexual em grupo. Na ocasião, no ano de 2013, uma jovem albanesa foi estuprada pelo jogador e mais alguns amigos, durante uma festa em uma casa noturna. Porém, o jogador nunca chegou a cumprir a pena imposta pois ele se encontra em território brasileiro e ele não pode ser entregue para a justiça italiana.

Porém, mesmo que não tenha sido preso na Itália, Robinho pode ter de cumprir os nove anos de prisão no Brasil. Depois do pedido da justiça italiana, para que ele cumpra a punição no país, o Supremo Tribunal Federal (STF) julgará na próxima quarta-feira (20) se o pedido será acatado. Diante disso, Robinho concedeu uma entrevista exclusiva para a Record, onde se defendeu das acusações.

Robinho dá entrevista e se defende das acusações de violência sexual

Na noite do último domingo (17), o atacante Robinho deu uma entrevista para a Record, onde tentou se defender das acusações em que ele foi condenado. O jogador afirmou que a relação com a jovem albanesa, naquela noite de 2013, havia sido consensual.

“Tivemos uma relação superficial e rápida. A gente trocou beijos, fora isso, fui embora para casa. Em nenhum momento ela empurrou, pediu para parar. Tinha outras pessoas no local. Quando vi que ela queria continuar com outros rapazes, eu fui embora para casa. Eu nunca neguei. Foi consensual.”, afirmou o jogador.

Ainda, o jogador acusou a justiça italiana de racismo, sob o pretexto de que se o seu julgamento fosse para um italiano branco, as provas apresentadas não seriam ignoradas e ele seria inocentado.

“Com certeza, se o meu julgamento fosse para um italiano branco, seria diferente. Sem dúvidas. Com a quantidade provas que eu tenho, não seria condenado. Espero que aqui no Brasil, eu possa ter voz que não tive lá fora. Você quer mostrar suas provas, e não entendi o porquê, provas tão relevantes para qualquer pessoa, para eles não foram. Todos aqueles que julgam, possam ver minhas provas.”, apontou Robinho.

Comentários estão fechados.