Time histórico do Corinthians na Copinha alcançou R$ 120 milhões em vendas

O Corinthians, maior campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior, não esteve presente pelo quinto ano seguido na decisão do maior torneio de base do país. Nesta temporada, o Timãozinho caiu para o Sport na terceira fase da competição. Porém, o clube teve um elenco histórico na Copinha que rendeu 120 milhões aos cofres alvinegros. 

O último título conquistado pelo Corinthians foi em 2017. Daquele time, apenas um jogador ainda segue no clube: o volante Roni, de 23 anos. Com apenas 17 anos, ele era reserva, mas chegou a entrar em três partidas em sua primeira Copinha.

O lateral-esquerdo Guilherme Romão, o volante Guilherme Mantuan e os atacantes Marquinhos e Carlinhos também tiveram oportunidades no elenco principal do Corinthians. Porém, Pedrinho teve maior destaque. O meia foi promovido ao profissional naquele ano e se tornou alternativa importante para a equipe. Em 2020, ele foi vendido por 20 milhões de euros ao Benfica, de Portugal (quase R$ 100 milhões na época).

Carlos Augusto, que seria titular da Copinha de 2018 e então subiria para o elenco principal, também rendeu uma boa venda ao Timão. No mesmo ano da venda de Pedrinho, em 2020, o lateral-esquerdo foi vendido ao Monza, da Itália, por 4 milhões de euros (mais de R$ 20 milhões na época). Rendendo assim, a quantia milionária ao Corinthians.

Confira os títulos do Corinthians na Copinha: 

  • 1969
  • 1970
  • 1995
  • 1999
  • 2004
  • 2005
  • 2009
  • 2012
  • 2015
  • 2017

Comentários estão fechados.