Todos os títulos de Emerson Sheik pelo Corinthians

Marcio Passos de Albuquerque… por esse nome alguns podem até não reconhecer sobre quem se trata, mas seu apelido é inconfundível. Emerson Sheik, ídolo no Corinthians e um dos maiores futebolistas que já vestiram a camisa do Timão ainda neste século.

Revelado pela equipe do São Paulo no final da década de 1990, Sheik deixou o futebol brasileiro nos anos 2000 para jogar no Consadole Sappore, do Japão. Passou cinco anos no futebol japonês, marcando muitos gols e conquistando títulos.

Em seguida, foi para o Qatar, onde defendeu o Al-Sadd. No oriente médio foi considerado um dos melhores atacantes que já passaram por lá. Com isso, acabou se naturalizando e defendeu o país nas eliminatórias da Copa do Mundo de 2010. Após fazer fortuna no futebol árabe, pagou do seu próprio bolso sua multa rescisória e resolveu voltar ao futebol nacional.

Em 2009, Emerson chegou ao Flamengo e logo se adaptou ao futebol brasileiro e ali recebeu o apelido de “Sheik”. Chegou a retornar para o Oriente Médio jogando no Al Ain, mas em 2010 se transferiu para o Fluminense. Nas duas equipes cariocas, o jogador foi campeão nacional mas no tricolor acabou sendo dispensado após cantar um funk do Flamengo no ônibus a caminho de uma decisão pela Copa Libertadores.

Com sua saída do Fluminense, Sheik assinou com o Corinthians em 2011 e ajudou a equipe alvinegra a conquistar o Brasileirão daquele ano e se tornou o primeiro jogador a conquistar o tricampeonato brasileiro em três anos seguidos por três clubes diferentes. Além do título nacional, Emerson Sheik conquistou a Copa Libertadores do ano seguinte com o Timão.

Em 2013, Sheik foi perdendo sua boa fase com a camisa corintiana. Envolvido em grandes polêmicas fora do campo, como episódios do selinho e a denúncia do Ministério Público por contrabando de veículos, acabou caindo de rendimento. Em campo perdeu espaço e se tornou peça do banco de reservas. Com a chegada de Mano Menezes ao comando técnico do Timão, foi ainda menos aproveitado e acertou sua saída por empréstimo ao Botafogo.

Com a péssima campanha do time carioca e graves problemas da diretoria, Sheik acabou rescindindo seu contato de empréstimo em outubro do mesmo ano. A volta de Tite ao Corinthians, abriu as portas para o retorno do jogador, que se reapresentou no início de 2015 no Parque São Jorge. Contudo, seguiu para o Flamengo no mesmo ano.

Em janeiro de 2018, o Corinthians anunciou o retorno de Sheik para o seu elenco profissional. O jogador assinou um contrato de seis meses, até junho do mesmo ano, para se despedir do futebol atuando na equipe do Parque São Jorge. O Timão, fez proposta para que o atacante permanecesse no clube, só que nos bastidores, como gerente de futebol, proposta esta aceita por Sheik.

Confira todos os títulos conquistados por Sheik no Corinthians

  • Campeonato Brasileiro de 2011;
  • Copa Libertadores da América de 2012;
  • Mundial de Clubes de 2012;
  • Campeonato Paulista de 2013;
  • Recopa Sul-Americana de 2013;
  • Campeonato Brasileiro de 2015;
  • Campeonato Paulista de 2018.

Comentários estão fechados.