Um dos empresários mais influentes do Brasil decide acionar o Corinthians na Justiça

Quando Augusto Melo assumiu o cargo de presidente do Corinthians, a promessa para os torcedores do clube era de tempos melhores. No início da temporada, as coisas pareciam que iriam encaminhar para o lado contrário dentro das quatro linhas. Porém, com a chegada de António Oliveira, as coisas mudaram de patamar e o time demonstra que pode aprontar ao decorrer do ano.

Porém, a situação interna do time piora a cada vez mais, por conta das questões financeiras. Com uma alta dívida, que vem de anos, além dos altos valores gastos nesta janela de transferências, o clube vem sofrendo com várias cobranças de dívidas. Nos últimos dias, foi a vez de André Cury, um dos maiores empresários do país, cobrar uma dívida do clube paulista.

André Cury entra na justiça contra o Corinthians para cobrar dívida

Considerado como um dos maiores empresários do Brasil, no ramo do futebol, André Cury já trava há tempos uma batalha judicial contra o Atlético Mineiro, para receber um valor que o clube mineiro está devendo. Agora, foi a vez do Corinthians ser cobrado por André, por conta de uma divida que o clube possui com o empresário. Esse valor vem desde 2020.

Na ocasião, Andrés Sanches, em nome do Corinthians, pediu um empréstimo de cerca de R$ 7 milhões para o empresário. Por três vezes, o empresário tentou renegociar a dívida em questão. Porém, o clube não chegaou a cumprir o acordado entre as partes. Por conta disso, ele se viu obrigado a entrar na justiça, para receber tal valor.

Comentários estão fechados.