Venda de Mantuan pode render bolada milionária ao Corinthians

Na gestão de Duílio Monteiro Alves, o Corinthians conseguiu algumas vendas que alavancaram os cofres do clube. Nos últimos dias, o Vasco anunciou a contratação de lateral-esquerdo Lucas Piton, bem como o Bahia acertou a chegada de Raul Gustavo. Agora, o Timão ainda tem um jovem como esperança para render bolada maior ainda.

Envolvido no empréstimo por Yuri Alberto, ainda no mês de julho de 2022, Gustavo Mantuan era um dos cotados para permanecer no Zenit, da Rússia, para abater o valor do atacante que estava no Timão. No entanto, o caminho tomado foi outro. O zagueiro Robert Renan e o volante Du Queiroz foram os cedidos para que o camisa 9 pudesse permanecer em definitivo no clube do Parque São Jorge.

Tendo em vista que não foi envolvido nesta nova negociação, o atacante deve retornar ao Corinthians ao fim do vínculo de empréstimo, que acontece em julho deste ano. A diretoria do clube do Parque São Jorge se animou com a notícia, já que vê grande oportunidade de fazer caixa com a venda do atacante e bater a meta da temporada, de R$ 90 milhões.

O Corinthians também enxerga como uma possibilidade Mantuan subir de rendimento novamente na reta final de seu contrato de empréstimo e permanecer no Zenit. O valor pré-fixado é de 10 milhões de euros (R$ 57,7 milhões) por 80% dos direitos econômicos do. Também é possível que algum outro clube se interesse e Mantuan não chegue nem a retornar ao Corinthians e siga a sua carreira na Europa.

Comentários estão fechados.